'Cocô-burguer': carne feita de cocô humano é a nova 'delícia' japonesa

By mCent Bugs → terça-feira, 23 de maio de 2017

Publicidade:


O cientista japonês Mitsuyuki Ikeda está feliz da vida com sua criação: carne feita de fezes humanas! Ele acredita que seu produto será um sucesso entre vegetarianos cansados da carne de soja, além de poder se tornar também uma opção bem mais barata do que a carne de boi para pessoas de baixa renda em um futuro próximo.

O Dr. Ikeda afirma que seu produto é rico em proteínas e lipídios naturais, substituindo a carne de boi com muitas vantagens, além de ser ecologicamente correta.

A produção da carne utiliza os dejetos humanos que hoje vão direto para o esgoto, reaproveitando as proteínas para a alimentação, e diminuindo a demanda pelo gado, que é responsável por cerca de 18% dos gases de efeito estufa no planeta.

carne de fezes humanas do Dr. Mitsuyuki Ikeda é feita da seguinte forma: ele retira as proteínas e lipídios de placas de iodo do esgoto, passando os dejetos por um processo de calor intenso, que mata todas as bactérias da mistura. Depois ele adiciona um intensificador de reação, proteínas de soja e molho de carne para dar um sabor "natural" ao produto.

Publicidade:

O cientista até preparou um vídeo onde explica em detalhes o processo de fabricação de sua carne, e espera que seu produto seja um grande sucesso na luta contra a fome mundial, além de ser ecologicamente sustentável.

De fato o argumento ecológico/humanitário da proposta é mesmo arrebatador, mas será que a "carne de cocô" tem chances de se tornar um produto de sucesso?...


Créditos : CurtoeCurioso


6 comentários to '''Cocô-burguer': carne feita de cocô humano é a nova 'delícia' japonesa"

ADD COMMENT
  1. O otimista, vendo a crise disse: -Se continuar do jeito que está, logo o povo estará comendo merda. E o pessimista completou: -E não vai ter merda pra todo mundo...

    ResponderExcluir
  2. gente, é só proteína.... kkkk....
    a matéria e que é uma bosta. kkkk

    ResponderExcluir
  3. Segundo o vídeo, é "lama de esgoto".

    ResponderExcluir